Encontre sua Dose!

domingo, 23 de agosto de 2009

A Portinha.

Era uma vez um jovem, que em certa fase de sua vida, se deparou com várias portas a sua frente. Eram tantas, que não podia contar. Todas elas muito bonitas e chamativas. Bem coloridas, com luzes de neon, com dizeres: Venha, aqui você vai ser feliz... Venha, aqui te darei riquezas... Venha, te darei tudo o que você quiser... Venha... Venha... Venha...

Todas aquelas portas geraram um brilho nos olhos daquele jovem. Eram portas bem grandes, muito, mas muito altas mesmo, e com larguras nunca vistas antes. Aquele jovem parecia hipnotizado. De fato ele estava encantado com tudo aquilo que os olhos dele viam.

Porém no meio de todas aquelas grandes e chamativas portas, o jovem conseguiu ver uma, que era diferente de todas. Essa era bem pequena e apertada. E ele pensou: Por que essa porta é tão diferente? Por que ela é tão estreita e apertada? Aquela portinha também era muito bonita, e também tinha uma frase que dizia: Venha... Eu Sou a Melhor Porta.

O jovem quando leu aquilo achou engraçado. Como poderia aquela porta tão pequenina ser a melhor? Do outro lado não deveria caber quase nada. Já as outras eram bem grandes, e muitas coisas tinham a oferecer.

O jovem então disse: Ah, eu vou nas maiores, essas sim são as melhores, quero experimentar todas essas coisas boas. E o jovem foi.

A primeira porta que ele abriu tinha muito dinheiro. Eram milhares e milhares. O jovem disse: Essa porta é maravilhosa. Agora estou rico, posso ter tudo o que quiser com esse dinheiro. E ele se alimentou daquele dinheiro.

Quando ele abriu a segunda porta, tinham vários carrões importados. Na terceira tinham mulheres, ele poderia ter a mulher que ele quisesse e quantas quisesse. E assim ele foi abrindo porta a porta e se alimentando de todas aquelas coisas que ele achava ser uma maravilha. Festas, amigos, drogas, bebidas, vícios...

Depois de ter se alimentado de todas aquelas coisas, o jovem queria mais. Ele não queria mais parar. Porém ele já tinha consumido tudo. Conforme ele ia consumindo, tudo aquilo foi se esgotando, mas ao mesmo tempo, tudo aquilo foi consumindo ele também. As riquezas, os carrões, as mulheres... Ele já não tinha a mesma saúde, a mesma alegria, as mesmas forças. E quando ele viu, sobrou apenas uma porta. Aquela portinha, pequenininha.

Então ele pensou: Bem, eu experimentei todas essas coisas boas, mas tudo acabou. Portas tão grandes, que tinham tantas coisas a me oferecer. Tudo acabou tão rápido. E agora que estou fraco, precisando de coisas maiores, só tem essa portinha, a menor de todas. O que será que ela pode ter de tão melhor assim pra mim? Será que essa portinha tão pequenina pode realmente me dar algo tão melhor do que tudo isso que eu experimentei até agora? Ah, eu não tenho mais outra escolha.

E o jovem decidiu ver o que tinha atrás daquela pequena portinha, que tinha o dizer: Venha... Eu Sou a Melhor Porta.

Quando o jovem abriu aquela porta, uma Luz muito forte saiu de dentro dela. Ele quase ficou cego. Aquela Luz era mais forte que o próprio Sol. E quando ele olhou de novo, ele pode ver o que tinha do outro lado. Não era nada parecido com tudo aquilo que ele tinha experimentado até então. Mas era algo muito melhor. Aquela porta oferecia VIDA.

E quando o jovem viu o que aquela porta oferecia, tentou entrar para experimentar aquilo também. Porém ele tinha se alimentado de todas aquelas outras coisas que as portas grandes ofereceram a ele. Ele estava gordo. Todo aquele tempo se alimentando de tudo aquilo, o fez engordar. Ele estava grande demais para passar por aquela portinha. Ela era muito estreita, muito apertada. Ele não conseguia passar por ela.

Então ele disse: Tudo o que eu precisava estava exatamente aqui, o tempo todo, nessa portinha. Ela realmente tinha o melhor, e eu não quis acreditar. Alimentei-me de tudo aquilo que pensei ser bom. Agora tudo aquilo acabou. Estou gordo de tudo isso, sem dinheiro, sem carrões, sem amigos, sem nada, e não consigo passar pela porta que tem exatamente tudo o que eu sempre precisei.

Deus me deu essa historinha para falar com você jovem. Você que se depara com muitas dessas portas pela sua frente. Muitas até se encontram abertas esperando apenas você entrar. A facilidade que o mundo te oferece, sempre mostrando tudo de forma bonita, apenas te desvia da verdadeira Portinha. A Melhor Porta sempre será apenas uma, aquela única que te leva ao Salvador, à Vida Eterna. Passar por ela não é fácil. Caminhar por esse caminho estreito é difícil. Por que o mundo te julga. O mundo te acusa. Mas você precisa passar por essa Porta. Você precisa seguir firme. Passe pela Portinha. Não faça como o jovem da história, que viu a Portinha, mas quis experimentar primeiro as maiores, e quando tentou correr atrás do tempo perdido, não conseguiu mais. Não deixe a Porta que te leva a Jesus ser a última opção da sua vida, pois pode ser tarde. Não se deixe enganar. Ande no caminho estreito e alcance a Vida Eterna em Cristo Jesus.

video

“Entrai pela porta estreita (larga é a porta, e espaçoso, o caminho que conduz para a perdição, e são muitos os que entram por ela), porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que conduz para a vida, e são poucos os que acertam com ela.” (Mateus 7:13-14)

“Respondeu-lhes: Esforçai-vos por entrar pela porta estreita, pois eu vos digo que muitos procurarão entrar e não poderão.” (Lucas 13:24)

Deus te abençoe jovem. Escolha a porta certa e siga por ela.

2 comentários:

  1. olá...
    Uma música legal:
    " Muitos procuram, caminhos fáceis de seguir, soluções que na verdade são falsas soluções, saídas que dão a lugar nenhum, mas Cristo hoje te diz...
    Entrai pela porta estreita, pq espaçosa é a porta que conduz a perdição..." Wagashu - Porta estreita
    Graça e Paz!

    ResponderExcluir
  2. Oi,O mundo nos oferece vários facilidades e ilusões( Portas) que temos que ficar atentos nos própositos de Deus para nossas vidas, o caminho é estreito mas a vitória é certa em Cristo Jesus.
    A Paz!

    ResponderExcluir